ADALGIZA AMIN RECHENE

96991093697

96991146789

Email

ADALGIZA AMIN RECHENE

RECHENE AMIN - Diretora, escritora de textos para teatro, produtora e atriz.

Biografia

ADALGIZA AMIN RECHENE – Nome artístico: RECHENE AMIN. Em 1982 iniciou sua carreira de atriz no Grupo de Teatro do SESC-AP com a peça “Tempo para Pensar” (criação coletiva), “O Rapto da Cebolinha” e “Eu Quero Ver”. No ano seguinte, colaborou com a fundação do Grupo de Teatro Língua de Trapo, no mesmo ano participou do espetáculo “Repiquete” (Prêmio de melhor atriz no I Festival-AP/1987, “A Paixão de Ajuricaba” (atriz coadjuvante Festival. AP/1995), “Bar Caboclo” (melhor atriz Festival-AP/1996), “Pecado”, “A surpresa de Pompom”, “Uma viagem por Aqui”, “O julgamento Florestal”, “A Turma da Fanfarra”. Atualmente faz parte do grupo Boca de Cena, integrando o elenco do espetáculo “A alucinada noite de Arthaud”. Participa do espetáculo infantil educativo “e “Ecos de Lamento” (Grupo de Teatro Pirlim-Pimpim. Na Cia Viva de Teatro participou espetáculo “Zaptzupt - Traques e Truques para manter o Verde Vivo”. No Grupo de Teatro Marco Zero, durante o período de 2007/2009., integrou o elenco do “Alto do Menestrel, na direção do espetáculo. No Grupo de Teatro Maré, montou as peças teatrais: “Buiando na Antrenet”, “Os indefesos”, “De cara com a verdade”, “Alimento da Vida”, “Mãe Natureza”, “O Sonho de Zé”, “Os Milagres de Jesus”, “Retrato na Parede” e “Lembranças – Recital Poético” (2007 à 2014).Fundou o Grupo de Teatro Educ’art, onde montou vários espetáculos educativos como: Assim era... (2004), O Chapeuzinho Laranja Educ’art, (2004 e 2005), “Bobeou-Dançou” (2005/2009), “De volta ao passado” (2005),“Atenção Cidadão”(2005/2007) “As Mazelas ” (2004), “Jesus – O Salvador” – (semana santa -2007 à 2011), “O Casório Atrapaiado (2005/2007 e 2009/2010), Chega de Blábláblá (2007), Vítimas do Silêncio (2009), Um por todos, Todos por um (2009), “Liberdade” (2005/2006), “A Infância da Vóvo” (2010/2014), “A História que o Mundo não Esqueceu” (Auto de Natal-2010/2012), “Nasce o Salvador” (Auto de Natal 2013), O Castelinho Misterioso” (1992/2014) (melhor atriz-Festival-AP/2003). Atuante na política cultural do estado a 32 anos, membro da coordenadoria executiva de Teatro do Amapá e atualmente faz parte da diretoria do SATED/AP. Nos últimos anos a atriz dedica-se à criação de textos educativos, produção e direção em vários espetáculos. Obs: Registro profissional de Atriz - DRT nº 008/04 – Folhas 04, livro 01.

SECULT - Secretaria de Cultura do Estado do Amapá
Av Pedro Lazarino n° 22 Bairro: Santa Inês - CEP. 68900- 083 - (96) 9919-9396 - secult@secult.ap.gov.br
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação