Associação folclórica e Cultural Simpatia da Juventude

96981329157

96981122143

Instagram

Youtube

Twitter

Email

Site

Associação folclórica e Cultural Simpatia da Juventude

A Fera Mais Indomável da Quadra Junina - Eneacampeã Estadual.

Biografia

Macapá – Amapá – Brasil 2020 BREVE HISTÓRICO A Associação folclórica e Cultural Simpatia da Juventude, Quadrilha Junina que no ano de 2020 completará 26 anos de história e contribuição com o movimento cultural, em especial o movimento dos Folguedos Juninos do Estado do Amapá, foi fundada no dia 09 de abril de 1994 da junção de outros dois grupos juninos, a Arrebenta Coração, cujos líderes eram os jovens Márcio Rodrigues e Adilson Andrade, e o grupo Mistura Fina, representada por Antônio Carlos (Tony Tigreza) e Dani Maciel. O Objetivo dos fundadores era proporcionar aos jovens do bairro do Pacoval, bairro que era marcado pela violência urbana, produto da expansão da cidade de Macapá no início dos anos 1990, a inclusão social através da cultura junina e a possibilidade de lazer diferenciado, já que haviam poucas opções de entretenimento no bairro e pouco interesse das autoridades políticas da época, de promover a interação desta massa de jovens por meio de ações sociais inclusivas Surgia, desta união de jovens, uma das maiores Quadrilhas Juninas da história dos folguedos juninos do Amapá. Quadrilha que, para muitos especialistas do movimento cultural revolucionou a Quadra Junina amapaense em conceitos e estética, definindo a característica estilizada que a quadra junina do Amapá adotaria nas décadas seguintes a sua fundação. A Simpatia da Juventude tornou-se, em 26 anos de existência, uma das 5 Quadrilhas Juninas mais premiadas da história do movimento junino amapaense, tanto em títulos conquistados pelo grupo, como em títulos individuais. Com arte e inovação, tornou-se uma das maiores potências da Quadra Junina Amapaense, transformando a Fera (Tigre Rei, o imponente símbolo da Quadrilha) em uma das marcas mais importantes da história junina do Amapá. Não se pode falar de Quadra Junina Amapaense sem falar de Simpatia da Juventude, sem reverenciar a importância desta quadrilha para a evolução conceitual, estética, rítmica e coreográfica do movimento junino amapaense. Não se pode falar de Quadra Junina sem falar de nomes como Marcia Renata, a única Miss Caipira seis vezes eleita a melhor Miss do Estado, Ana Paula do Rosário, Fabíola Almeida, Daiane Suellen e Renata Taine, todas vencedoras do Maior, mais tradicional e mais importante Concurso individual da Quadra Junina Amapaense, O Garota Junina. Não se pode falar em Quadra Junina Amapaense sem falar em Tony Tigreza, que por muitos anos foi o responsável por conduzir a “Fera mais indomável da Quadra Junina” e tido pelos amantes do movimento junino amapaense, como o maior Marcador de sua geração. A Simpatia da Juventude participou, desde a sua fundação, de todos os principais concursos de Quadrilhas Juninas já realizados no Amapá, desde os mais tradicionais não oficiais, como o Forrozão da TV Amapá, hoje extinto, do qual a Simpatia da Juventude foi a última Campeã, no ano de 1999, até os Concursos Oficiais, realizados em parceria entre o poder público e as diversas Ligas ou Associações juninas existentes ao longo desta trajetória, como a Ligafap, Fefap, Ligajap, Fejufap, nunca deixando de participar, um único ano, do certame junino amapaense, tornando-se 9 vezes Campeã Estadual de Quadrilhas Juninas do Amapá, sendo uma vez do grupo de acesso (1994) e oito vezes da elite junina Amapaense (2000, 2002, 2005, 2011, 2014, 2016, 2017 e 2018). A Simpatia da Juventude é uma Quadrilha Junina que também tem responsabilidade com a promoção e divulgação do movimento junino amapaense. Foi a idealizadora e realiza há 21 anos o Pré-Festival de Quadrilhas Juninas, originariamente conhecido como Forrozão de Sujos da Simpatia da Juventude, foi realizado pela primeira vez em 1999, na avenida General Osório e teve como primeira Campeã a Quadrilha Junina Cuca Legal, hoje extinta. A partir de 2015 o concurso passa a se chamar Pré-Forrozão da Simpatia da Juventude e é considerado o concurso não oficial mais importante da Quadra Junina Amapaense. Simpatia da Juventude, ao longo dos seus 26 anos de história, constituiu um legado de inestimável contribuição para o movimento junino amapaense. Juntamente com outras grandes quadrilhas juninas, colaboraram para que a Quadra Junina se tornasse a segunda manifestação cultural mais importante do Amapá, atrás apenas do Carnaval. Biografia 1- 1994: Campeã do 2º Grupo do Festival Estadual de Quadrilhas Juninas, realizado pela Fundação Estadual de Cultura do Amapá (extinta FUNDECAP) 2- 1997: Campeã do Concurso Garota Junina com a Miss Marcia Renata 3- 1999: Campeã do Forrozão da TV Amapá: Tema: “V Séculos de Evolução Cultural Brasileira” 4- 2000: Campeã do Concurso Oficial de Quadrilhas Juninas: Tema: “Brasil, O Grito de Liberdade”. 5- 2000: Campeã do Concurso Garota Junina com a Miss Ana Paula do Rosário 6- 2002: Campeã do Concurso Oficial de Quadrilhas Junina: Tema: “Brasil Flamenco: Una Arte com Inovacion”. 7- 2005: Campeã do Concurso Oficial de Quadrilhas Junina: Tema: “Bahia: Da Feitiçaria, do Misticismo e do Candomblé”. 8- 2005: Campeã do Concurso Garota Junina com a Miss Fabíola Almeida 9- 2007: Campeã do Concurso Garota Junina com a Miss Daiane Suellen 10- 2010: Campeã do Concurso Garota Junina com a Miss Renata Taiane 11- 2011: Campeã do Concurso Oficial de Quadrilhas Junina: Tema: “As Civilizações” 12- 2014: Campeã do Concurso Oficial de Quadrilhas Junina: Tema: “20 Anos de Gloria” 13- 2016: Campeã do Concurso Oficial de Quadrilhas Junina: Tema: “Loucura é Não Ser Simpatia: De Quadrilheiro e Louco Todo Mundo Tem Um Pouco” 14- 2017: Campeã do Concurso Oficial de Quadrilhas Junina: Tema: “Vida: O DNA da Fera” 15- 2017: Campeã do Polo Macapá: Tema: “Vida: O DNA da Fera” 16- 2017: Campeã do Pré-Polo: Tema: “Vida: O DNA da Fera” 17- 2018: Campeã do Concurso Oficial de Quadrilhas Junina: Tema: “Mãos” 19 - 2019: Campeã do concurso pré Forrozão da FEFAP: Tema: Simpatia da juventude na máquina da vida.

SECULT - Secretaria de Cultura do Estado do Amapá
Av Pedro Lazarino n° 22 Bairro: Santa Inês - CEP. 68900- 083 - (96) 9919-9396 - secult@secult.ap.gov.br
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação